Atendimento Home-Care

Atendimento Home-Care ao PNE

categoryAcolhimento, Ansiedade na Cidade, Empatia, Gratidão, Prevenção, Psicanálise, Saúde Mental
tagpessoa portadora de necessidades especiais, PNE

Atendimento Home-Care ao PNE

Começarei dando uma definição conceitual de PNE para poder falar sobre Atendimento Home-Care

“toda pessoa que sofreu perda ou tenha nascido com uma anomalia da estrutura psicológica, fisiológica ou anatômica que venha gerar uma incapacidade para o desempenho de atividade dentro do padrão considerado normal para o homem, podendo a gênese estar associada a uma deficiência física, auditiva, visual, mental, quer permanente, quer temporária.” (SILVA,1986)

Entre as PNEs estão:

  • Pessoas em pós-operatório,
  • Idosos com Dificuldade de Locomoção,
  • Doenças congênitas,
  • Autismo,
  • Esquizofrenias,
  • Síndrome do Pânico,
  • Depressões,
  • Deficientes físicos.

Eu já fiz muito atendimento domiciliar e ainda faço, mas agora ele é carinhosamente chamado de “Home-Care” e seu objetivo é proporcionar atendimento psicológico ao paciente impossibilitado por questões físicas e/ou mentais de se locomover até o consultório.

Como Psicóloga percebo que tudo que sai do “ambiente controlado de um consultório” pode trazer situações inusitadas e essas podem exigir diferentes tipos de intervenções, por isso a atenção é especial. Para isso, além da formação teórica, é fundamental um desprendimento pessoal para entrar em contato com o sofrimento do outro e uma empatia para saber o quanto as limitações estão impossibilitando a vida plena daquela pessoa.

Chegar a um resultado maior na reabilitação e/ou na aquisição de funções sociais e cognitivas tem sido o mote deste trabalho que venho realizando.

Agradeço a todos os pacientes e seus familiares por abrirem as portas de suas casas e de suas vidas a mim, confiando além de suas questões mais íntimas o cotidiano de seus lares.

A casa é nossa segunda pele…
Gisa Aquino

Bibliografia SILVA,O.M. A Epopéia Ignorada –A Pessoa  Deficiente na História do Mundo de Ontem e de  Hoje.São Paulo. Cedas.1986

Outros textos da Gisa:
Acompanhe a Gisa no Instagram:

@gisaaquinodineli

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Post anterior
Perdas e Lutos
Próximo post
Jovens e Crianças com Down recebem o Grupo Acompanhar
Menu